quinta-feira, 13 de novembro de 2008

AGRIDOCE


Todo fim de ano chega.
Eu me afundando no sofá.
Nada na TV, desligada ou ligada.
Tanto faz.
E a balança dos pesares, rangendo nos ouvidos.
Esse ano, fui boa ou má?
Mas, é bom ou ruim ser boa?
Mas, é bom ou ruim ser má?
Como posso me julgar, se também, se não posso julgar ninguém!
Vésperas amargas, árdidas, mas que cheiram bem!
Agridoce.

2 comentários:

Anônimo disse...

você escreve bem.
não desista desta idéia.
ponha isto na sua cabeça.


"as palavras tem peso"

eliana disse...

atualiza aí né Bunitona!!!!!!!!